A transformação de Madri: conheça o projeto de Mobilidade Urbana da capital espanhola

Mobilidade Urbana de Madri | Mobilidade Volvo

Tornar a cidade mais “viva” favorecendo os pedestres, incentivar o uso do transporte coletivo e diminuir a emissão de poluentes: esses são alguns dos objetivos que o Plano de Mobilidade Urbana Sustentável (PMUS) da cidade de Madri visa alcançar até 2020. E para colocar em prática essas metas, a terceira capital mais populosa da Europa já tomou algumas ações demonstrando que o desenvolvimento sustentável urbano, muito mais que uma tendência, é uma necessidade.

Bicicletas para todos
Para aproveitar os 316 km de ciclovias ou vias adaptadas, foram disponibilizadas 2.028 bicicletas elétricas em diversos distritos da cidade, 24 horas por dia. Escolhidas por facilitar a vida dos ciclistas – depois das primeiras pedaladas o motor elétrico assume grande parte do esforço – ao estacionar em estações que faltam bikes e ajudar com que mais pessoas compartilhem esse meio de transporte, o usuário também ganha uma bonificação em dinheiro.

O centro é dos pedestres
Através das Áreas de Prioridade Residencial, desde janeiro de 2015, há restrições de circulação para os carros nos bairros centrais de Madri. A medida traz benefícios, como diminuição da poluição, menos acidentes de trânsito e, principalmente, devolve o centro aos moradores que agora são os protagonistas da cidade. O PMUS também prevê o aumento de 25% de áreas para pedestres, ampliando calçadas e transformando as ruas do centro para uso exclusivo das pessoas.

Ônibus híbridos
Fora a construção de 90kms de vias para ônibus, de acordo com recente comunicado divulgado pela Empresa de Transporte Municipal de Madri, parte da frota de ônibus do transporte público será renovada com 30 ônibus híbridos que combinam motores a combustão e energia elétrica.

Além de serem silenciosos e ajudarem a reduzir a poluição sonora, os híbridos vão contribuir com uma economia de 270 mil euros por ano em combustível para a cidade. Outros 170 ônibus a Gás Natural Comprimido (GNC) também integrarão a rede, cooperando para diminuir as emissões de poluentes em até 90%.

 

 

 

Este artigo foi produzido com base em pesquisa realizada nos principais canais de informação do mercado de transporte. As afirmações contidas aqui não necessariamente representam o posicionamento da Volvo.